Valdir Aguilera
 Físico e pesquisador

 

 

Trabalho, um dom da natureza

Maria Cottas

O trabalho está na essência do Todo Universal, da Vida no seu aspecto amplo, construtivo e transformador. O trabalho está, portanto, intimamente ligado à vida dos seres humanos em geral. Quanto mais empenhados ficarem na luta pela vida, mais proveitosa será a evolução espiritual de cada um.

Como a preguiça é má conselheira, se todos tiverem o tempo ocupado menor será a probabilidade de a mente voltar- se para o lado negativo do viver, pois os pensamentos estarão direcionados para a prática do bem. Nesse aspecto, o trabalho sempre ajudará na manutenção da saúde física e do equilíbrio psíquico do trabalhador.

Trabalhar com eficácia requer da pessoa cuidados com a mente e o físico, no esforço geral de melhorar, com disciplina e método, as circunstâncias em que se acha a humanidade, participando ativamente da vida comunitária.

Por ser o Universo uma imensurável oficina de trabalho, podemos considerar o trabalho um dom da natureza, tornando a vida das pessoas que trabalham leve e produtiva, pois sentem satisfação ao ocupar o tempo com proveito. Porém existem as que se revoltam com o trabalho, embora saibam que precisam dele para sobreviver. Desempenham suas obrigações com má vontade, reclamam de tudo e de todos ao considerarem a atividade laboral uma forma de exploração humana. Fazem parte do grupo de indivíduos que procuram viver à custa do trabalho alheio. Não progridem na vida por serem indolentes.

Trabalhar com satisfação, produzir com alegria faz bem ao espírito. As pessoas que têm disposição para o trabalho honesto e produtivo transmitem coragem e valor, criam ambiente favorável entre as que estão ao redor. Ambientes fluidicamente conturbados, que abrigam revolta e desânimo em relação ao trabalho, dificultam os relacionamentos humanos, uma necessidade fundamental para o progresso material e o bem-estar espiritual, intimamente ligados um com outro.

Todavia o trabalho exige repouso.Muitos trabalhadores acham que descansam frequentando ambientes em que se destacam os vícios que debilitam o físico e enfraquecem o espírito. Infelizmente, encontram no envolvimento com práticas viciosas uma forma de entorpecimento para os problemas da vida.

Quem trabalha precisa de descanso, de refazer a força física e a energia anímica, realmente. Mas paz de espírito e quietude corporal somente são conseguidas no aconchego do lar, em que a harmonia e o entendimento prevaleçam no meio familiar.

Há, portanto, necessidade de que todos deem valor ao trabalho. Ainda que seja rude e humilde, o trabalho traz saúde física e equilíbrio psíquico, dignifica o sentido da vida, porque existe relação harmônica entre o trabalho honesto e o aprimoramento do caráter do ser humano.

De "Trabalho- um dom" para "Artigos"

Copyright©2008 valdiraguilera.net. All Rights Reserved